Condições de saúde e nutrição de crianças indígenas e não-indígenas que vivem às margens do rio Solimões, Estado do Amazonas, Brasil

dc.contributor.authorViera, Alan Araujo
dc.contributor.authorBraga, José Ueleres
dc.contributor.authorMoraes, Claudia Leite
dc.creator.affilliationUniversidade Federal do Rio de Janeiro. Instituto de Puericultura e Pediatria Martagão Gesteira. Rio de Janeiro, TJ, Brasilen_US
dc.creator.affilliationFundação Nacional de Saúde. Centro de Referência Prof. Hélio Fraga. Rio de Janeiro, RJ, Brasilen_US
dc.creator.affilliationUniversidade do Estado do Rio de Janeiro. Instituto de Medicina Social. Rio de Janeiro, RJ, Brasilen_US
dc.date.accessioned2022-09-07T18:33:10Z
dc.date.available2022-09-07T18:33:10Z
dc.date.issued2000
dc.description.abstractNo período de janeiro a fevereiro de 1996, um grupo de médicos da Universidade Federal Fluminense em conjunto com a Associação dos Amigos da Canoagem e Ecologia (ABRACE) participou de uma expedição ao rio Solimões, estudando as condições de vida da população ribeirinha. A expedição durou 35 dias e percorreu um trecho de 1.200 km do alto e médio Rio Solimões, visitando 11 municípios, cinco comunidades ribeirinhas e seis aldeias indígenas da etnia Tikuna. A população estimada dos locais visitados, segundo dados das prefeituras locais, é de 176.128 habitantes; a população indígena das seis comunidades visitadas é de aproximadamente 9.010 habitantes, segundo a Fundação Nacional de Saúde. A população deste estudo é formada por 1.575 crianças de 0 a 12 anos (75% das crianças atendidas pela equipe médica). Foram realizadas avaliação antropométrica, coleta de dados sobre sexo, idade, situação vacinal, período de aleitamento materno e presença de doenças no momento do atendimento. Os dados antropométricos foram comparados com a curva padrão de referência do National Center for Health Statistics (NCHS, 1977); os indicadores estatura/idade e peso/estatura foram avaliados pelos respectivos escores Z, classificando as crianças em desnutridas quando estavam inferiores a dois desvios-padrão da mediana de referência. A cronicidade do processo de desnutrição foi identificada pelo índice baixa estatura para idade e a desnutrição aguda pelo índice de baixo peso para altura.en_US
dc.description.typeCartas
dc.identifier.citationVIERA, Alan Araujo; BRAGA, José Ueleres; MORAES, Claudia Leite. Condições de saúde e nutrição de crianças indígenas e não-indígenas que vivem às margens do rio Solimões, Estado do Amazonas, Brasil. Cadernos de Saúde Pública, v. 16, n. 3, p. 873-873, 2000.en_US
dc.identifier.doi10.1590/S0102-311X2000000300039
dc.identifier.issn0102-311X
dc.identifier.urihttps://repositorio.bvspovosindigenas.fiocruz.br/handle/bvs/7308
dc.language.isoporen_US
dc.publisherEscola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca, Fundação Oswaldo Cruzen_US
dc.rightsopen accessen_US
dc.subject.decsBrasilen_US
dc.subject.decsSaúde de Populações Indígenasen_US
dc.subject.decsÍndios Sul-Americanosen_US
dc.subject.decsSaúde da Criançaen_US
dc.subject.decsAvaliação em Saúdeen_US
dc.subject.decsAvaliação Nutricionalen_US
dc.subject.enBrazilen_US
dc.subject.enHealth of Indigenous Peoplesen_US
dc.subject.enIndians, South Americanen_US
dc.subject.otherRegião Amazônicaen_US
dc.subject.otherAmazonasen_US
dc.titleCondições de saúde e nutrição de crianças indígenas e não-indígenas que vivem às margens do rio Solimões, Estado do Amazonas, Brasilen_US
dc.title.alternativeHealth and nutritional conditions of indigenous and non-indigenous riverine children along the Rio Solimões, Amazonas State, Brazilen_US
dc.typeArticleen_US
Files
Original bundle
Now showing 1 - 1 of 1
Loading...
Thumbnail Image
Name:
646116785.pdf
Size:
12.17 KB
Format:
Adobe Portable Document Format
License bundle
Now showing 1 - 1 of 1
No Thumbnail Available
Name:
license.txt
Size:
1.71 KB
Format:
Plain Text
Description: