Políticas de saúde indígena e os saberes tradicionais Canela

dc.contributor.authorAlmeida Filho, Carlos Lourenço de
dc.contributor.authorCoelho, Elizabeth Maria Beserra
dc.creator.affilliationSecretaria de Estado de Educação do Maranhão (SEDUC-MA). São Luis, MA, Brasilen_US
dc.creator.affilliationUniversidade Federal do Maranhão. São Luis, MA, Brasilen_US
dc.date.accessioned2022-01-06T13:26:25Z
dc.date.available2022-01-06T13:26:25Z
dc.date.issued2010
dc.description.abstractO texto aponta o descompasso entre a forma como o povo Canela1 concebe o que denominamos saúde, considerando seu contato com o mundo não indígena, e as concepções presentes no sistema indigenista de atenção à saúde. Esse contato favoreceu o surgimento de problemas que afetam diretamente a construção do corpo forte (OLIVEIRA, 2008), e implicou na necessidade da introdução de serviços biomédicos. Descreve a estrutura de atendimento biomédico na aldeia, destacando o desconhecimento dos profissionais da biomedicina no que se refere aos saberes Canelas, assim como as concepções presentes no sistema indigenista de atenção à saúde não correspondem ao modo de vida Canela. Demonstra como participação indígena está sendo definida na formulação e implementação de ações de saúde aos povos indígenas, já que estas pretendem ser específicas e diferenciadas.Palavras-chave: Saber Tradicional. Saúde. Indigenismo.AbstractThe text points out the gap between how the Canelas people conceive what we call health from contact with the non-indigenous world that favored the emergence of problems that directly affect the construction of the strong body (OLIVEIRA, 2008), and implied the need to introduce of biomedical services. Describes the structure of biomedical care in the village, highlighting the lack of professional biomedicine with regard to knowledge Canelas, as the conceptions involved in the Indian system of health care do not match the lifestyle Cinnamon and demonstrates how indigenous participation is being set the formulation and implementation of health actions for indigenous peoples, as they claim to be specific and differentiated.Keywords: Traditional Knowledge. Health. Indigenism.en_US
dc.identifier.citationFILHO, Carlos Lourenço de Almeida; COELHO, Elizabeth Maria Beserra. Políticas de saúde indígena e os saberes tradicionais Canela. Cadernos de Pesquisa, v. 16, n. 3, 2010.en_US
dc.identifier.issn2178-2229
dc.identifier.urihttps://repositorio.bvspovosindigenas.fiocruz.br/handle/bvs/5672
dc.language.isoporen_US
dc.publisherUniversidade Federal do Maranhãoen_US
dc.rightsopen accessen_US
dc.subject.otherBrasilen_US
dc.subject.otherÍndios Sul-Americanosen_US
dc.subject.otherSaúde de Populações Indígenasen_US
dc.subject.otherMaranhãoen_US
dc.subject.otherRegião Nordesteen_US
dc.subject.otherRegião Amazônicaen_US
dc.subject.otherMedicina Tradicionalen_US
dc.subject.otherCanelaen_US
dc.subject.otherAntropologia da Saúdeen_US
dc.subject.otherPolítica de Saúde Indígenaen_US
dc.titlePolíticas de saúde indígena e os saberes tradicionais Canelaen_US
dc.typeArticleen_US
Files
License bundle
Now showing 1 - 1 of 1
No Thumbnail Available
Name:
license.txt
Size:
1.71 KB
Format:
Plain Text
Description: