Políticas públicas na saúde indígena e ocorrência de endoparasitos em uma comunidade Guarani Mbyá.

Copyright
open access
Type
Thesis
Date
2015
Journal Title
Journal ISSN
Volume Title
Publisher
Alternative Title
Affilliation
Committee Member
Organizer
Coordinator(s)
Institutional author
Director
item.page.production
Screenplay
Producer
Recorder
Abstract
Historicamente os indígenas possuem problemas relacionados com as condições de saúde, devido, principalmente às condições sanitárias a que estão sujeitos.A falta dessas condições gera fortes impactos sobre a saúde das populações. Pesquisas de endoparasitos em índios no Brasil e na América Latina são escassas e os poucos estudos realizados apontam que as doenças parasitárias podem atingir mais de 50% da população estudada, independente de faixa etária e sexo, sendo frequente o poliparasitismo. O presente estudo teve por objetivo conhecer as políticas públicas existentes para saúde da população indígena no Brasil, como também realizar um diagnóstico epidemiológico da saúde dos indígenas da aldeia Alvorecer no município de São Miguel das Missões. A metodologia realizada e os resultados que compõem esta tese estão apresentados sob a forma de artigos. O primeiro artigo versa sobre o apanhado histórico do processo das políticas indianistas de saúde no Brasil, o segundo artigo, trata-se de um censo populacional obtido a partir do questionário epidemiológico que investigou as condições sanitárias, de moradia e saúde familiar, ainda se verificou a ocorrência de enteroparasitos. O terceiro e último artigo avalioua soroprevalência de anticorpos da classe IgG contra Toxocara canis,e a relação entre a soropositividade e o número de eosinófilos. Segundo os resultados obtidos: temseum panorama geral sobre o melhoramento das políticas de saúde para a população indígena no Brasil; a infecção por enteroparasitos está presente na população estudada de maneira relevante; a sororreatividade para Toxocaraspp. detectada, indica que as crianças estão expostas a esse nematódeo. Destaca-se que foi o primeiro trabalho realizado sobre parasitoses e condições sanitárias nessa população, servindo então como referência para estudos posteriores.
Abstract
Abstract in Spanish
Abstract in French
Description
Keywords in Portuguese
Brasil, Índios Sul-Americanos, Saúde de Populações Indígenas, Epidemiologia, Região Sul, Saneamento, Rio Grande do Sul, Revisão, Estudos Epidemiológicos, Políticas Públicas, Guarani Mbya, Doenças Infecciosas e Parasitárias, Guarani Mbya, Política de Saúde Indígena
Keywords
Keywords in Spanish
Keywords in French
DeCS
Brasil, Saúde de Populações Indígenas, Índios Sul-Americanos, Epidemiologia, Saneamento, Doenças Parasitárias, Doenças Infecciosas
Event Date
Previous version
Related Document
Means of dissemination
Duration
Duration
Original color system
Target audience context
Audience occupation
Educational Description
Evaluation
Peer Reviewed
Publication Status
Sponsorship
Latest version
Version
Event Location
Event title
Event Type
Citation
PEDROSO, Débora. Políticas públicas na saúde indígena e ocorrência de endoparasitos em uma comunidade Guarani Mbyá. 2015. 94 f. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas) - Instituto de Biologia, Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 2015
ISBN
ISSN
DOI
Defense Institution
Universidade Federal de Pelotas. Instituto de Biologia.
Degree date
Defense location
Pelotas
Programa