Acesso da população indígena da região norte do Tocantins à rede de atenção à saúde de média e alta complexidade.

Copyright
open access
Type
Dissertation
Date
2016
Journal Title
Journal ISSN
Volume Title
Publisher
Alternative Title
Affilliation
Co-Advisor
Committee Member
Organizer
Coordinator(s)
Institutional author
Director
item.page.production
Screenplay
Producer
Recorder
Abstract
O acesso dos povos indígenas aos serviços de média e alta complexidade ocorre por meio do enfrentamento de barreiras, sejam elas organizacionais, culturais e geográficas. O presente estudo buscou avaliar o acesso dos usuários indígenas aos serviços de média e alta complexidade do município de Araguaína, estado de Tocantins. Realizou-se um estudo de caso único de abordagem qualitativa, por meio de entrevistas semiestruturadas envolvendo gestores das unidades hospitalares de Araguaína e dos gestores da regulação do estado do Tocantins, gestores do DSEITO, profissionais da CASAI de Araguaína e dos Polos-Base de Itacajá, Tocantinópolis e Santa Fé do Araguaia; observação in loco bem como análise documental. Para melhor compreensão das perspectivas dos atores entrevistados, foi desenvolvido um modelo teórico-lógico contemplando as dimensões sócio organizacional, sociocultural e geográfica do acesso aos serviços de saúde. Como principais resultados, apontam-se barreiras de acesso do tipo organizacionais e culturais como dificuldades no processo de regulação e integração do sistema. A dimensão geográfica, em geral, foi bem avaliada. Recomenda-se a realização de intervenções tendo em vista discutir as especificidades dos povos indígenas em diferentes esferas da gestão e cuidado em saúde e a necessidade de reconhecimento adequado da cultura indígena nos serviços de saúde. Ressalta-se ainda, a necessidade de institucionalização de fluxos entre polos e municípios que garantam a articulação do subsistema de saúde indígena com a rede de média e alta complexidade bem como a importância do fortalecimento da gestão dos DSEI e dos espaços de controle social do subsistema.
Abstract
Abstract in Spanish
Abstract in French
Description
Keywords in Portuguese
Brasil, Índios Sul-Americanos, Saúde de Populações Indígenas, Conselhos de Saúde, Política de Saúde, Sistemas Locais de Saúde, Pesquisa Qualitativa, Trabalho em Saúde, DSEI Tocantins, Acesso aos Serviços de Saúde, Subsistema de Atenção à Saúde Indígena
Keywords
Keywords in Spanish
Keywords in French
DeCS
Brasil, Índios Sul-Americanos, Saúde de Populações Indígenas, Conselhos de Saúde, Política de Saúde, Sistemas Locais de Saúde, Pesquisa Qualitativa, Acesso aos Serviços de Saúde, Distrito Sanitário Especial Indígena
Event Date
Previous version
Related Document
Means of dissemination
Duration
Duration
Original color system
Target audience context
Audience occupation
Educational Description
Evaluation
Peer Reviewed
Publication Status
Sponsorship
Latest version
Version
Event Location
Event title
Event Type
Citation
AMORIM, Margareth Santos de. Acesso da população indígena da região norte do Tocantins à rede de atenção à saúde de média e alta complexidade. 2016.133 f. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva ) - Instituto de Saúde Coletiva, Universidade Federal da Bahia, Salvador, 2016
ISBN
ISSN
DOI
Defense Institution
Universidade Federal da Bahia. Instituto de Saúde Coletiva
Degree date
Defense location
Salvador
Programa